Where To Buy Contact Options
ícone de telefone
Se você tem dúvidas, ligue para nós.
1-800-338-3287
Talk to an Expert
mobile menu icon mobile menu close icon

A detecção de gás na indústria química pode variar de medidores especializados nas mãos de um higienista industrial ou engenheiro químico a monitores diários usados pelo pessoal de operações e centenas de empreiteiros no seu local. Alguns trabalhadores podem usar um sensor PID para detectar um gás específico como estireno ou etileno, enquanto outros podem verificar se há compostos orgânicos voláteis (VOCs) antes de entrar em um tanque. Em um desligamento ou uma parada de manutenção, os empreiteiros podem usar monitores gerais de quatro gases com vários outros sensores adicionados, dependendo de quais perigos de gás podem estar presentes.

Com uma gama tão ampla de perigos químicos que podem ser encontrados em toda a fábrica e tantas maneiras diferentes de os detectar, pode ser difícil manter o controle de quem está monitorando quais gases, onde e como. A verdade, porém, é que nunca foi tão fácil manter os seus funcionários em segurança. 

A maioria dos trabalhadores em uma fábrica de produtos químicos pode ser totalmente protegida contra perigos de gás com um pequeno monitor de gás pessoal sem bomba. No entanto, o simples fato de que a maioria dos seus trabalhadores pode contar com o mesmo monitor com sensores sob medida para cada aplicação não quer dizer que o seu programa de detecção de gás está completo. Seja o seu programa de monitoramento de gás formado por uma pequena equipe em uma área ou por centenas de empreiteiros durante um desligamento ou uma parada de manutenção, uma questão não muda: a visibilidade é essencial.

Com um monitor de gás padrão, você só pode acessar as informações de alarme depois que o usuário tiver saído da área de trabalho e conectado o instrumento. Isso deixa você sem saber a quais perigos aquele trabalhador foi exposto até a próxima vez em que ele acoplar o monitor, o que pode ser em um dia, uma semana ou até mais. Quando o instrumento for acoplado, você precisará pesquisar dados históricos no seu sistema para descobrir quais problemas de segurança os seus trabalhadores enfrentaram.

Ou pode equipar os seus trabalhadores com ferramentas de segurança conectada que fazem o trabalho por você.

Novos monitores de gás conectados, como o monitor multigases Ventis® Pro5, elevam o patamar do monitoramento multigases confiável, adicionando visibilidade aos dados críticos de segurança. A conectividade sem fio permite que o monitor compartilhe instantaneamente leituras de gás, alarmes de ausência de movimento, alarmes de pânico e dados de localização com gerentes de segurança e colegas nas proximidades. Com diversas opções de conectividade para enviar dados do instrumento para a nuvem, você pode ver todos os alarmes em tempo real em uma sala de controle ou em qualquer lugar do mundo via texto ou e-mail. Os alertas mostram todas as informações de alarmes e usuários em um mapa com coordenadas GPS, para que você sempre saiba exatamente quando e onde ocorreu o incidente. Com essas informações, você pode dar seguimento aos problemas de segurança no momento, em vez de dias ou mesmo semanas depois.

Proteja o perímetro

Embora no seu local os indivíduos fiquem mais protegidos quando conectados à nuvem por monitores Ventis Pro5, também é possível conectar monitores de área para ter a mesma visibilidade das condições do local. Uma maneira eficiente de fazer isso é definir um perímetro em torno de qualquer área de trabalho com monitores de área Radius® BZ1. Quando o monitor de área detecta um perigo de gás, esse alarme é compartilhado com todos os monitores pessoais e de área conectados na área, dando aos trabalhadores um aviso antecipado sobre mudanças nas condições do local. Ao mesmo tempo, o alarme do monitor de área também avisa os contatos de segurança por alertas de texto/e-mail.

Além de proteger os seus trabalhadores no local, é importante considerar a segurança das comunidades em torno à fábrica de produtos químicos. No caso de liberações não planejadas de produtos químicos, é fundamental saber que gás está sendo liberado e para onde está indo, e se as comunidades próximas estarão em perigo. Um software de modelagem de plumas pode integrar em tempo real dados de sensores de gás e clima em algoritmos avançados para ajudar você a decidir quais medidas precisam ser tomadas.

Além da resposta em tempo real a uma emergência química, os modelos de pluma também podem ser usados para planejar e preparar-se para cenários futuros. Por exemplo, você pode agregar dados históricos de gás e clima para explorar se uma falta de energia em toda a instalação exigiria iniciar uma queima do produto. Conduzir exercícios desse tipo proporciona a capacidade de criar um plano de resposta a emergências para estar melhor preparado em caso de uma emergência real.

PID: cubra uma grande variedade de VOCs

Com o seu pessoal e o local protegidos, é hora de se concentrar em áreas e aplicações de nicho na sua fábrica. Um monitor especializado com sensor PID é útil para tarefas específicas em que os trabalhadores podem encontrar VOCs ou outros gases exóticos como, por exemplo, verificar um espaço confinado para a entrada inicial e monitorar continuamente a atmosfera durante o trabalho. Esses monitores altamente técnicos oferecem detecção avançada de gases em tarefas de amostragem e permissão.

Quando os seus trabalhadores limpam um vagão ferroviário após uma entrega ou fazem trabalho a quente em um tanque, muitos dos perigos do gás que podem enfrentar não têm um sensor específico para detectá-los. A princípio, isso pode parecer um grande problema, mas pode ser facilmente resolvido com um sensor PID. Se o perigo em questão for um gás conhecido ou se você estiver preocupado com VOCs em geral, um sensor PID os detectará se o gás em questão tiver um potencial de ionização inferior a 10,6ev. Para ter uma cobertura ampla, a sua equipe pode usar o MX6 iBrid® com um sensor PID e ainda detectar até cinco outros gases ao mesmo tempo, oferecendo a conveniência de um monitor para muitos usos, incluindo entradas em espaços confinados e quaisquer outros requisitos de amostragem de gás.

Em uma indústria tão perigosa e complexa como a química, não basta dar aos trabalhadores um monitor básico e enviá-los para o trabalho. Para o seu programa de detecção de gás, procure uma solução abrangente que dê a você e aos seus trabalhadores visibilidade dos perigos do gás no local.