Where To Buy Contact Options
ícone de telefone
Se você tem dúvidas, ligue para nós.
1-800-338-3287
Talk to an Expert
mobile menu icon mobile menu close icon

Há produtos químicos por toda a parte. Tudo, do sabonete que você usou para tomar banho de manhã até a cola que segura a sua mesa, é produto da indústria química. Mas quando você tenta determinar tudo o que se encaixa na definição de produto químico, as coisas podem ficar complicadas. De um ponto de vista de alto nível, os produtos químicos podem ser divididos em três categorias[i]

  1. Produtos químicos básicos- Entre estes estão produtos petroquímicos (derivados de petróleo), polímeros e inorgânicos básicos. Os petroquímicos são derivados de hidrocarbonetos de petróleo bruto e de gás, convertidos em hidrocarbonetos mais úteis por processos como craqueamento, isomerização e reformação. A principal aplicação dos petroquímicos é na fabricação de uma ampla gama de polímeros, usados em plásticos e resinas. Entre os inorgânicos básicos estão cloro, hidróxido de sódio, ácidos sulfúrico e nítrico e produtos químicos para fertilizantes.
  2. Especialidades químicas- Produtos químicos para proteção de cultivos, tintas e corantes.
  3. Produtos químicos de consumo- Vendidos diretamente ao público, como detergentes e sabonetes.

Muitos desses produtos vêm de instalações que são simplesmente enormes. A Sadara Chemical Company da Arábia Saudita foi considerada o maior complexo químico do mundo em 2015. O complexo tem 26 unidades de fabricação, com todo o parque industrial cobrindo 12 quilômetros quadrados. O complexo químico da BASF em Ludwigshafen, Alemanha, ocupa uma área de aproximadamente 10 quilômetros quadrados. “A espinha dorsal da Verbund (rede) de produção de Ludwigshafen é uma malha densa de cerca de 200 unidades de produção conectadas entre si por mais de 2.850 quilômetros de dutos.[ii]Em muitos outros casos, o tamanho da empresa costuma ser apresentado por receita, número de funcionários e número de produtos químicos produzidos. A Dow Chemical, sediada em Midland, Michigan, fabrica mais de 2.000 produtos diferentes.

Gases na indústria química

Alerta na tela do Ventis Pro5

Nesse conglomerado gigante de produção química, assim como os pequenos produtores, está-se lidando com materiais orgânicos e inorgânicos perigosos com pontos de inflamação muito baixos, baixosLELs (limites explosivos inferiores)e uma grande variedade de produtos inflamáveis/explosivos. O LEL é a menor concentração de um gás ou vapor no ar que se inflama na presença de uma fonte de ignição. Para muitos gases inflamáveis, essa concentração é inferior a 5% por volume. Há um alto risco de explosão mesmo quando concentrações relativamente pequenas do gás escapam para a atmosfera. Também vale a pena considerar que a maioria dos perigos de gás inflamável ocorre quando a concentração de gases ou vapores excede um volume de 10.000 ppm (1%) ou mais no ar. Para a proteção do pessoal, normalmente os gases tóxicos precisam ser detectados em níveis de volume abaixo de 100 ppm (0,01%). Os processos de produção são complexos, implicando temperaturas extremamente altas, dutos e linhas de transferência, craqueadores a vapor, processos de destilação, tanques de armazenamento, válvulas de alta pressão, turbinas, concentradores, pontos de conexão de equipamentos e muito mais.

De maneira geral, a produção, armazenamento e distribuição de produtos e subprodutos da indústria química são ao mesmo tempo um grande benefício para o dia-a-dia dos consumidores e alguns dos mais perigosos para os que trabalham diretamente com eles. A contribuição do gerenciamento de detecção de gás na indústria petroquímica, portanto, tem um papel fundamental.

Aqui estão algumas dicas sobre como elevar o seu programa de detecção de gás em uma instalação química.

  • Forneça monitoramento contínuo de gás - Os monitores de gás pessoais são indispensáveis, mas o monitoramento contínuo de LEL pode detectar problemas 24 horas por dia, 7 dias por semana. Algunsmonitores de gás de áreatem um tempo de operação de sete dias que pode ser estendido indefinidamente com uma fonte de alimentação externa. Os monitores de área são ótimos para definir um perímetro em torno a uma área de risco ou monitorar um vazamento ou derramamento.
  • Mantenha os trabalhadores conectados- Se alguém sofrer um acidente, ou houver uma situação de pânico ou de gás alto, pode levar alguns minutos ou horas até que alguém saiba. Commonitores de gás sem fio, os colegas da área e um gerente de segurança remoto ou a equipe de primeiros socorros podem ser alertados imediatamente, melhorando os tempos de resposta.
  • Use dados para reduzir e eliminar a exposição a gás- O software de gerenciamento de detecção de gás ajuda a gerenciar perigos, pessoas e equipamentos de qualquer lugar, com um painel simples. Também fornece informações sobre como os detectores de gás estão sendo usados, permitindo tomar medidas corretivas.

Talvez você conheça esta citação de Sir Brian Appleton:

 “A segurança não é um exercício intelectual para nos manter ocupados. É uma questão de vida ou morte. É a soma das nossas contribuições para o gerenciamento da segurança que determina se as pessoas com quem trabalhamos vivem ou morrem."

Em um ramo tão grande e complexo como o da indústria química, simplesmente atirar um equipamento de segurança para um trabalhador e enviá-lo para uma área perigosa é como colocar um cinto de segurança e ignorar regras e regulamentos de trânsito. Quando se trata do seu programa de detecção de gás, procure uma solução de gerenciamento abrangente para manter os seus funcionários em segurança.

 

[i] http://www.essentialchemicalindustry.org/the-chemical-industry/the-chemical-industry.html

 

[ii] https://chemicalparks.eu/parks/basf-se-ludwigshafen