Where To Buy Contact Options
ícone de telefone
Se você tem dúvidas, ligue para nós.
1-800-338-3287
Talk to an Expert
mobile menu icon mobile menu close icon

Nos últimos dois anos, ficou mais fácil do que nunca para as empresas incorporar monitoramento de área aos seus programas de detecção de gás. Novos produtos permitem colocar dispositivos sensores duráveis e fáceis de usar com tecnologia avançada em todas as suas instalações por um preço mais baixo. Isso proporciona uma melhor percepção dos ambientes do seu local, além de desbloquear a capacidade de gerar melhorias de segurança.

Porém, à medida que mais empresas recorrem ao monitoramento de áreas, vão surgindo perguntas. Qual é o raio do meu monitor de área? Quanta área esses sensores podem cobrir? O monitor de área cobre três metros? Trinta metros? Trezentos metros? Todo o local de trabalho?

Responderemos a essas perguntas e muito mais.

Quanto espaço o meu monitor de área pode cobrir?

Vamos começar com a função básica do sensor. Os sensores só podem detectar gás se esse gás passar diretamente sobre ele. Isso ocorre tanto para monitores pessoais como para monitores de área, porque eles usam a mesma tecnologia de sensores. Não se deixe enganar – os monitores de área não oferecem mais cobertura do que os monitores de gás pessoais. Ao contrário dos pontos fixos de detecção de gás, os monitores de área podem ser usados em ambientes muito mais dinâmicos, de modo que suposições estáticas sobre fluxo de ar e fonte do gás não são pertinentes.

radius-bz1-site-1

E se o instrumento tiver uma bomba?

Apesar do que você possa pensar, pôr uma bomba em um monitor não aumenta muito a cobertura geral do monitor. Mesmo que as bombas pareçam potentes, não são assim tão poderosas. As bombas aspiram uma média de 500 cc/minuto. Uma boa maneira de pensar nisso é respirar e expirar. A bomba absorve esse volume de ar durante vários minutos. Com esse volume baixo, a bomba em si não é forte o suficiente para extrair e obter significativamente mais ar do que um monitor de difusão em uma área aberta.

No entanto, as bombas permitem amostrar remotamente uma área por meio de uma tubulação. Por exemplo, um monitor bombeado permite posicionar uma tubulação em um espaço confinado para amostrar remotamente o ar interno enquanto o monitor e o operador ficam do lado de fora. Mas, também neste caso, isso apenas tira uma amostra do ar onde a tubulação está posicionada, não de todo o espaço.

Como decido o melhor posicionamento para um monitor de área?

Ao contrário dos sistemas de detecção de gás de ponto fixo, em geral os monitores de área são movidos de um lugar para outro ou usados em situações de resposta a emergências. Assim, toda vez que você implanta um monitor de área, é necessário considerar estes fatores:

1. Identidade da origem e local de posicionamento: gases diferentes podem ter características atmosféricas diferentes que é preciso levar em conta. Por exemplo, alguns gases são mais leves do que o ar, enquanto outros são mais pesados. Por isso, é crucial posicionar um monitor de área na distância e altura corretas para o gás que precisa ser medido. Além disso, se você estiver usando sensores LEL ou PID (que não são específicos de gás) nos seus monitores de área, precisará conhecer a fonte de gás e fatorar suas características na leitura do monitor.

2. A direção do vento: fatores ambientais como a direção do vento podem influenciar a eficácia dos monitores de área - e eles estão sempre mudando. Só porque você tem um monitor de área posicionado corretamente um dia, não significa que ele estará no local correto no dia seguinte. Uma solução comum é colocar monitores de área em vários locais, para ter sempre uma cobertura adequada, mesmo que as condições ambientais mudem.

3. Notificação: ao colocar posicionar monitores de área, pense na situação em que ocorre um alarme de gás. Como esse sistema transmitirá informações críticas de alarme para o pessoal apropriado? Os seus dispositivos estão conectados um ao outro? Os avanços da tecnologia agora permitem que os monitores de área se conectem entre si e com monitores de gás pessoais, e alertas em tempo real, via mensagem de texto e e-mail mediante monitoramento ao vivo.

Antes de implantar uma solução de monitoramento de área, faça uma pesquisa no local para avaliar esses fatores. Se você ainda tiver dúvidas sobre como posicionar os monitores de área para detectar adequadamente os perigos de gás, podemos ajudar você a determinar a solução certa. Quando implementadas corretamente, essas soluções podem melhorar drasticamente a percepção do local, levando a melhores decisões operacionais e de segurança. 

Saiba mais sobre o monitoramento de área com a Industrial Scientific.